Cruzeiro sem enjoos

Cruzeiro sem enjoos


Praias belíssimas, paisagens inesquecíveis, muito conforto e dias de descanso em alto mar, não dá para negar que a experiência de um cruzeiro tem tudo para ser encantadora. No entanto, sem as informações certas alguns imprevistos podem surgir, principalmente para quem está prestes a encarar esse tipo de viagem pela primeira vez – o enjoo provocado pelo balanço do navio é um deles.

Descubra a seguir alguns detalhes que devem ser providenciados antes do seu cruzeiro, principalmente se estiver indo para a Europa, e veja algumas dicas úteis do que não pode faltar na sua bagagem.

Garanta o seu seguro viagem

Existem dois motivos para que a primeira coisa a ser providenciada antes de qualquer viagem internacional seja o seguro viagem. Primeiro o seguro garante que gastos emergenciais não tenham que sair do seu bolso, como a necessidade de atendimento médico, indenização em caso de extravio de bagagem, traslado médico e até gastos em situações mais extremas como invalidez ou morte.

Especificamente na Europa, mais de 20 países são signatários do Tratado de Schengen que, dentre outras regras, determina que a entrada de estrangeiros esteja condicionada à prévia contratação do seguro viagem. Assim, antes de viajar, escolha o seguro viagem que mais combina com as suas necessidades.

Vacinas em dia

É necessário certificar-se de que as vacinas estão todas em dia. Para isso, basta se dirigir a uma unidade de saúde com a sua carteirinha de vacinação e pedir para que uma das agentes de saúde verifique para você.

 

A Europa tem enfrentado um grande surto de sarampo nos últimos anos e, apesar da vacina contra essa doença não ser obrigatória para turistas, o ideal é que ela seja tomada antes de embarcar. Agenor Álvares, diretor da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) afirma que “apesar de não ser uma exigência, se considerarmos que foram diagnosticados casos de sarampo em 36 países da Europa, é fundamental que os brasileiros que vão se deslocar para o continente estejam vacinados contra a enfermidade”.

Vistos para as paradas

É bom conferir se as paradas portuárias feitas pelo cruzeiro exigem a apresentação de visto dos tripulantes. Isso é bastante comum durante as conexões de viagens aéreas e, apesar de, normalmente, não acontecer nos navios, é importante se prevenir.

Previna-se do enjoo

Antigamente os navios balançavam muito durante as viagens, mas hoje não é mais bem assim. Atualmente, há muita tecnologia envolvida para manter o máximo de estabilidade nos cruzeiros e embora eles possam acontecer em caso de mar muito agitado, essa é uma possibilidade mais remota, então pode ficar tranquilo quanto aos enjoos.

No entanto, se você ou um dos seus acompanhantes são um pouco mais sensíveis e costumam enjoar com facilidade, o ideal é ter um remedinho para enjoo na mala. Apesar dos cruzeiros disponibilizarem esse tipo de medicamento aos hóspedes, é sempre bom se prevenir. Além dos remédios, existem alguns itens que podem ser úteis como pulseiras e adesivos anti enjoo.

Confira a programação antes de escolher as roupas

Ao pensar em cruzeiro, muitos pensam em praia, piscina e relaxamento total. Mas acontece que a programação do navio costuma incluir também alguns eventos mais sofisticados, como jantares de gala, outros temáticos, como festas à fantasia.

Nesse tipo de evento, não pense que basta vestir uma saída de banho por cima do biquíni para ter a entrada liberada, é necessário contar com pelo menos um traje social na bagagem.

Por isso, não escolha as suas roupas com base nos destinos onde o cruzeiro fará paradas, escolha de acordo com a programação do navio. Nela estarão incluídas todas as festas, jantares e eventos que acontecerão durante a viagem e, dessa forma, é possível preparar a bagagem com antecedência para cada um deles.

Antecipe gastos extras

Existem pacotes de cruzeiro All-Inclusive que já incluem as refeições e bebidas, e os que incluem somente as refeições. Mas, seja um ou outro, não existe um tipo de pacote que inclua nos gastos o acesso a tudo dentro de um navio, até porque a maioria dos cruzeiros conta com lojas de produtos importados em seu interior, cassinos, restaurantes opcionais, além de atrações e eventos que são pagos à parte. Por isso, é importante antecipar gastos extras, além do preço do pacote, pois, é muito comum eles acontecerem.

Leve algum dinheiro na carteira

Falando em gastos extras, para fazer o pagamento desses gastos é importante ter consigo algum dinheiro. Apesar de existirem casas de câmbio dentro da maioria dos navios, o câmbio praticado dentro do cruzeiro costuma ter um valor mais elevado. Por isso, o ideal é comprar euro antes de embarcar para economizar algum dinheiro.

Leve adaptadores de tomada

Se levar equipamentos que demandam energia elétrica, então é melhor descobrir qual é o padrão de tomadas do navio para garantir alguns adaptadores. Afinal, o padrão brasileiro de tomada (os três pinos) não é muito popular no resto do mundo, e sem adaptadores os seus eletrônicos vão acabar inutilizáveis durante a viagem.

Deixe um comentário